quinta-feira, 14 de abril de 2011

Meu anjo sem auréola


Não há dureza em mim que resista ao doce toque das suas mãos.
Estou vestida com a roupa mais autêntica de mim, aquela de peito aberto, destemida, pé no chão e coração no céu. Me vesti dela só pra te dizer baixinho, no seu ouvido: "Eu gosto tanto de você que tenho que todos os dias me lembrar de me lembrar de mim."


"Apenas mais uma de amor - Lulu Santos"


Camila Lourenço

7 comentários:

  1. "Não há dureza em mim que resista ao doce toque das suas mãos."

    Lindoooooooo!!!

    Beijos,
    AL

    ResponderExcluir
  2. quando amamos e somos amados, amolecemos...e isto é bom demais!

    beijos em seu coração!

    Bia

    ResponderExcluir
  3. Acho tão bonito isso...
    Sinto absolutamente rendida diante toda e qualquer forma de amor...

    Ando saudosa de vc, como que faz ein????
    beijo

    ResponderExcluir
  4. Camila, querida!

    Perdoe a minha ausência daqui. A semana passada foi dureza... Muitos posts por aqui e eu preciso ler um por um.

    Esse está LINDO demais. Existe nele toda aquela suavidade de quem ama e se entrega, sem medo algum. AMEI! E é poético... O que confere um encanto maior ainda.

    Beijos e vou continuar por aqui, lendo você!

    ResponderExcluir

Espaço pra seu 'pitaco'!
Bjokaa!