quarta-feira, 4 de maio de 2011

Equilíbrio


As vezes o nosso equilíbrio está justamente no que nos deixa desequilibrados. Naquele beijo que nos tira o chão. Naquela paz que nunca mais tivemos depois que alguém roubou o que um dia chamamos de coração. Naquele caminho que encanta a cada passada e que retarda, de forma totalmente do bem, a nossa chegada.
A maioria das coisas que fazem sentido não são para serem explicadas. Só sentidas.
Não há receita para a vida, pra ser feliz, pra ser equilibrado. As vezes só temos que nos permitir mesmo. A vida passa rápido, e dos seus sabores, os mais gostosos são aqueles que nunca conseguimos definir ao certo quais são os ingredientes, porque eles simplesmente se tornam um só. E é esse o equilíbrio, permitir-se "misturar", e lembrar que as vezes é preciso mesmo se perder, pra se achar.


Camila Lourenço

4 comentários:

  1. E como dizia Clarice, nunca sabemos qual é o defeito que sustenta nosso prédio.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  2. o mundo vai girando cada vez mais veloz, a gente espera do mundo e o mundo espera de nós...



    cada dia é uma surpresa, entre cair e ficar em pé. Pelo jeito hj é dia de ficar em pé pra vc né?

    sorte.


    eu carrego um gatinho cmg, que alguém aí me deu :P


    Beijoooo

    ResponderExcluir
  3. É Camila! Às vezes se perder é se achar... Quero me perder assim. Quem sabe alcanço o equilíbrio necessário para viver bem.

    Bom saber que você está bem ao ponto de extrair beleza e poesia das coisas simples. É assim que se vive bem, enfim...

    LINDO e simples.

    Beijos, querida!

    ResponderExcluir
  4. Sempre passo momentos agradaveis aqui

    ResponderExcluir

Espaço pra seu 'pitaco'!
Bjokaa!